quarta-feira, 21 de janeiro de 2009

A Flor da Pele

Flor Solar acaba de ganhar outro nome: Flor da Pele.
"Ando tão à flor da pele
Que qualquer beijo de novela
Me faz chorar
06h41
Ando tão à flor da pele
Que teu olhar "flor na janela"
Me faz morrer

07h07
Ando tão à flor da pele
Que meu desejo se confunde
Com a vontade de não ser
07h26

Ando tão à flor da pele
Que a minha pele
Tem o fogo do juízo final

07h43

Barco sem porto
Sem rumo, sem vela
Cavalo sem sela

08h05
Bicho solto
Um cão sem dono
Um menino, um bandido
08h33
Às vezes me preservo...

09h24

...Noutras, suicido".

Imagens Realizadas em 21/01/09, SP - Brasil, horário de Verão.
Texto: Letra da Música "Flor da Pele", de Zeca Baleiro.

Hoje estou agradecida ao universo por me proporcionar momentos únicos e intensos.
Alegres (onde me preservo) e tristes (onde me suicido).

Por estar viva e poder participar desse dia único.
Por ser única, verdadeira, intensa e íntegra.
Sem desejar o futuro, nem o passado. Só o agora.

6 comentários:

Ruberto Palazo disse...

O embalo da musica na abertura da flor foi mágico, parece que a medida que a flor se abria o som aumentava e cada palavra e verso ficava cada vezm mais vibrante...unicooo!!

Beijos

disse...

Nossa Ruberto, que lindo! Que legal teu depoimento.
É que cada um sente de uma maneira, e fiquei feliz de vc ter sentido assim! Foi surpresa pra mim. E bom, pq pude rever o 'post' com outros olhos, outros ouvidos!! rs. Obrigada! bj.

... disse...

Lindo ...
Sonoro...
Poético...
Coisas de Pê...
Beijucas da Glau

disse...

Pois é, um lado punk, outro poético! ahahahahahhah

Anônimo disse...

Quero saber qual é o nome dessa flor!?

Tenho em meu jardim.Acho linda. Mas não seu seu nome.

disse...

Pois é caro Anônimo, eu também não sei o nome dessa flor.

Assim que eu descobrir, faço um post só disso, ok?

:) Saudações.